O Projeto InteGrade 3 (formalmente denominado "Gerenciamento de Recursos, Tolerância a Falhas e Escalabilidade em Grades Computacionais Autônomas") é financiado pelo CNPq processo 55.0895/2007-8. O projeto teve início em 2008 e foi concluído em julho de 2010. Trata-se de uma parceria entre a universidade de São Paulo (IME/USP), a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), a Universidade Federal de Goiás (UFG) e a Universidade Federal do Maranhão (UFMA). O projeto tem por objetivo desenvolver um middleware inovador que permita a utilização de recursos computacionais ociosos existentes em instituições acadêmicas e empresariais para a execução de aplicações científicas, industriais e de entretenimento que demandem alto poder computacional. Nesta edição do projeto, temos por objetivo desenvolver uma versão completa do middleware InteGrade, que opere de modo autônomo em ambientes de grande escala e forneça suporte a ambientes de computaçãao móvel e computação ubíqua.